16/05/2010

Poema é coisa fina,
Daquelas que se toca de latex e
Monóculo,
Pedra preciosa, Jade Rubi
Diamante
Ouro de sem quilates
Prata fora-da-lei.

Poema é sacrossanto,
Herança dos deuses aos
Homens,
Sopro divino, bafo de vino.

Poema é
Merda bem-cheirosa
Flora selvagem a crescer em
Estrume, sol, mar, céu,
Noite, vida e
Fossa séptica.

Poema é história maior
Sem conclusão
Ponto final.

Novembro de 2009.
Anúncios